Arquivos do Blog

Nota de repúdio aos Jeans Wyllys e Lucianas Genro genéricos

Nota de repúdio aos Jeans Wyllys e Lucianas Genro genéricos

deputado “puxado” maledicente Jean Wyllys do PSOL chamou de “analfabeto político” o líder do Movimento Brasil Livre, Kim Kataguiri, um dos responsáveis pelo sucesso do ato anti-Dilma de 15 de março, que incomodou – e muito – a linha auxiliar do PT. Jean Wyllys que desde os tempos do BBB só fala pelas costas, ouviu o que deveria ouvir e até agora – dias depois – ainda não inventou uma desculpa esfarrapada para evitar do debate contra o duelista que desmascarou o mesmo em seu vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=oMVWGlZ-aX4

Vamos ver se o deputado taxa o Kataguiri de homofóbico ou qualquer coisa do tipo ou aceita mesmo debater contra o suposto analfabeto político…

jwdenovo

Por falar nisso, esse assunto está bombando nas redes sociais e blogs, porém há uma horda de MAVs PSOL e PT que estão defendendo com unhas, dentes e tacapes o pobre Jeanzinho do BBB nesses blogs que o governo continua a bancar os blogueiros chapa-branca e chapa vermelha de papel crepom com bolinhas rosa shock. Na maioria dos casos todos são um fracasso como redatores, mal sabem inferir assuntos, só extrapolam tudo na base do discurso “Maldito seja Jair Bolsonaro”… Por outro lado o governo prova mais uma vez que joga dinheiro no lixo, pois ninguém lê aqueles velhos mercenários que topam qualquer programa por uns trocados só para defender o indefensável e quando lêem dão risada da cara deles. No máximo esses blogs endinheirados pelo governo servem para alimentar a moléstia mental, moral e intelectual dos pseudo-eruditos não divergentes do atual sistema gerado pelo analfalulismo.

Afinal de contas, segundo o relatório do próprio PT, o deputado Jean Wyllys, cuja página no Facebook “tem um peso maior na defesa do governo” do que todos os outros juntos é algo que precisa ser protegido devido ser bucha de canhão da causa petralha.  Os marionetes que idolatram o mesmo vocalizam e que à exaustão nos próprios perfis de redes-sociais o mesmo discurso de Jean Wyllys também ficaram ofendidinhos com as verdades lançadas pelo vídeo do Kim Kataguiri dias atrás.  Disso não resta dúvida. Basta visitar a página do seu amiguinho psolista mais próximo para atestar isso.

Nas redes sociais podemos atestar ainda que há uma epidemia de Jeans Wylllys genéricos que em suma também são invariavelmente homossexuais de mau caráter que passam por lavagem cerebral nas universidades para além de queimar a rosca, colar o velcro, dar beijo grego no fiofó alheio a troco de mortadela, fumar maconha e defender MST, PSOL, Luciana Genro e afins também se prestam ao papel de manifestantes de ocasião da CUT, do PT, da Juventude Comunista do PC do B que explode portaria de editora ou qualquer coisa que tenha bandeira vermelha ou socialismo mal intencionado no meio.

Seres bestializados e vendidos iguais ao deputado Jean Wyllys existem muitos infelizmente. Essa é a conclusão que chegamos com medo que uma dia num futuro próximo o ENEM chegue ao descalabro de citá-lo com pensador político ou filósofo cultural brasileiro do século XXI.

Já havia publicado anteriormente uma “Nota de repúdio ao Jean Wylly genérico”  na qual já evidenciava uma figura em particular semelhante   aos muitos devotos da esquerda que dizem que defendem negros, minorias, LGBTs  e toda aquela cartilha comunista pré-moldada como se todos fossem vitimas da sociedade por erros acumulados na história social ou econômica  segundo eles escrita exclusivamente por uma classe média e alta bastarda que deveria pagar ainda mais tributos devido serem uma elite calhorda que manipula e oprime as camadas referidas devido seu poder social oriundo do maldito capital e cultura machista elitista racista etc etc etc.

Na maior parte esmagadora dos casos os ora referidos ativistas genéricos de figuras deletérias da política socialista brasileira só despejam argumentos toscos e ranço contra pessoas de condição social mais elevada com base em argumentos de Luciana Genro, Jandira Feghali, Maria do Rosário e desse tal Jean Wyllys dentre outras figurinhas socialistas anti-homofobia, anti-golpismo, anti-capitalismo burguês etc… Em resumo, se valem sempre do mesmo velho discurso e debate repetido da esquerda asquerosa já ironizado e destroçado até em programas de humor como do Danilo Gentili.

O fato não se resume aos Jeans Wyllys genéricos, nem também as ditas Luluzinhas Genros macho e fêmeas (feministas) que passam sua vidinha defendendo a mesma agenda furada de Luciana Genro e do PSOL como se fossem dogmas sociais inquestionáveis.  A lavagem cerebral e idolatria é tamanha que algumas pessoas retuítam e compartilham cada declaração desses sujeitos e ainda transcrevem loas e discursos apologéticos aos seus ídolos em face dos coxinhas, reaças, elite branca, e toda população economicamente ativa que sustenta o sistema opressor e corrupto anti democrático e blá-blá-blá…

O caso é de saúde mental, pois até mesmo o Sibá Machado tem seus adeptos que crêem piamente que a CIA está financiando um gigantesco movimento secreto golpista e midiático contra Dilma, Maduro e Evo Morales, isto é, Fidel Castro e sua trupe sul americana empossada em eleições justas, sem fraudes, com vasto apoio popular devido terem potencializado o poder econômico da nação inteira, erradicado a miséria mesmo que seja com base de elevados impostos, elevada inflação e dólar nas alturas etc.

Nesses momentos e diante de escabrosidades dessa monta, quando me perguntam o que acho desses partidos tais como PT no poder a resposta é bem clara: Um partido que seja capaz de tudo para se manter no poder é algo que deve ser combatido pelo próprio povo. Lembro vocês da história das pessoas do referido partido: Zé Dirceu, Zé Genoíno, Franklin Martins, Dilma Rousseff, Lula e grande elenco já foram terroristas, guerrilheiros, assassinos, seqüestradores, delatores em outros regimes. A história deles já coloca em xeque seus escrúpulos e moral, mostram com nitidez do que são capazes de fazer pelo poder.

Portanto mentir em campanha, cooptar instituições, incentivar a criação de um exército paralelo (MST), mudar metodologias e mensurações oficiais para melhorar o “desempenho” do governo, mesmo os enormes esquemas de corrupção montados nos últimos anos, a aproximação com países de mesmo viés ideológico, os empréstimos secretos do BNDES, para mim é apenas a ponta do iceberg.  Caso esse governo seja deposto por qualquer medida, muito mais sujeira virá à tona.

Lembrando que eles não lutavam nem nunca lutaram por democracia. Eles lutavam pela ditadura nos moldes socialista-marxista cubano, de onde aliás, muitos foram financiados e receberam treinamento, o que explica o especial carinho do governo pela ilha paradisíaca produtora de charutos.

As pessoas deveriam olhar mais a história e atitudes das pessoas públicas. A biografia dessas pessoas dizem mais do que se possa imaginar…

Anúncios