Big John Xavier – O Usurpador

Big John Xavier é o retrato cuspido escarrado da escória que vive na sociedade brasileira.

Reconhecidamente ele é o maior usurpador de argumentos da história da internet, pois quase todos seus pseudo-argumentos são inspirados nos programas de barracos do SBT como aquele da Sônia Abraão onde o populacho lava a roupa suja.

O cotidiano dessa trapizomba que ainda aos quarenta anos de idade mora com a avó segue hábitos simples: Depois de assistir a Sonia Abraão e tomar o café com bolo de fubá, e além de injetar a insulina no rabo, e outras drogas ansiolíticas por via oral mesmo, Big John acessa as redes sociais para fazer seus comentários em defesa de pastores ladrões como Silas Malafaia, enaltecendo a sua retórica e lábia de 171. Nesse quesito ao menos ele recebe o endosso do maconheiro do Chico Sofista que passa suas tardes trocando insultos com qualquer besta quadrada que esteja on line no grupo Duelos Retóricos, como por exemplo Raoni Xororó o rei do mimimi.

Alguns fatos da biografia sórdida desse malacafento devem ser levados em consideração para que ele tenha chegado ao ponto dessa insânia nas redes sociais, tais como aos 12 anos, Jojo como era chamado viajou com a turma do colégio para um acampamento.

Foram acampar nas margens do Rio Tietê. Naquela época, o rio era limpo. Sentindo-se à vontade para entrar no quarto do filho devido a ausência do pequeno balofo, a mãe de Big John encontrou no guarda-roupa um baby-doll, um espartilho, duas calcinhas de bolinhas vermelhas e vários utensílios sadomasoquistas geralmente usados com o grande (bota grande nisso) negão das vizinhanças que o desvirginou ainda em tenra idade.

Entretanto, a pobre mamãe de Big John, apesar do desgosto, nada comentou sobre o caso quando Jojo voltou do passeio para não constranger o devasso garotinho juvenil. Uma semana depois a velha se suicidou de desgosto e Big John foi morar com a vovó.

Com o tempo, Big John foi lapidando seu talento para prostituição tendo sido repassado pelo bairro inteiro ficando conhecido como Joãozinho da Caridade de tanto que dava a bunda aos mais necessitados como mendigos, viciados em cola de sapateiro e caminhoneiros que ali passavam.

Após isso começou carreira militar e rumou para São Paulo, primeiro para dar muito mais, já que estava cansando de ser apenas mais um rapaz latino americano do interior como seu perfil de facebook atualmente atesta.

Nas forças armadas Big John se especializou em armar as baionetas dos recrutas e ser kibado pelos oficiais superiores. Big John sempre foi eclético e também prestava favores sexuais aos bombeiros segurando a mangueira deles por horas. Em pouco tempo, era um dos soldadinhos mais requisitados de seu quartel.

Neste ínterim, conheceu Leonardo Levi, um ex-hippie que tinha ido estudar na paulicéia desvairada. Ambos tiveram um affair e depois romperam quando Big John aflorou o seu lado pedófilo o traindo o Gnu com Roger Macaco vinte anos mais novo que Gnu.

De garoto devasso a soldado serviçal da luxuria de seus superiores, a bicha decidiu se tornar uma mulher coisa que jamais conseguiu, mesmo seguindo os mesmos passos de Roberta Close.

ImagemFoto de Big John retirada de um arquivo de família

Anúncios

Sobre Aloprado Alonso

O cara mais aloprado da internet - barbudo, blogueiro, rockeiro, mulherengo e sempre tentando parar de fumar ...

Publicado em 19 de fevereiro de 2013, em Uncategorized. Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: